Lamborghini Centenário tem recall curioso nos EUA

Etiqueta com especificações de limite de peso foi colocada erroneamente em 11 unidades do raro superesportivo

lamborghini centenario

O recall de um veículo, geralmente, envolve problemas mecânicos, falha na montagem de peças ou desgaste prematuro de algum componente. O Lamborghini Centenário, no entanto, não tem nenhum desses problemas. Mas National Highway Transportation Safety Board, órgão que fiscaliza a segurança viária nos Estados Unidos, achou um erro e fez a marca italiana convocar 11 proprietários para trocar um tanto quanto inusitado item: uma etiqueta. Isso mesmo. Uma etiqueta com especificações de limites de peso do superesportivo está com os dados incorretos que, se ultrapassados, podem gerar danos na suspensão e causar acidentes. A Lamborghini vai trocar a etiqueta sem custos adicionais.

Criado como parte das comemorações dos 100 anos de Ferrucio Lamborghini, o Centenário teve apenas 40 unidades produzidas, sendo 20 cupês e 20 conversíveis. À época, todas foram vendidas por cerca de US$ 2 milhões – mais de R$ 7 milhões. Baseado no Aventador SV, mas com estética diferente, o modelo traz o V12 6.5 com a maior calibração de potência feita pela fabricante até agora: 770 cv – 20 cv a mais que o SV. Fato que deve ser superado quando a Lamborghini SVJ estrear nos próximos meses com algo perto dos 800 cv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.