Dez mentiras das montadoras que terminaram mal 04

킹스맨 골든 서클

Nem tudo é o que parece: conheça algumas promessas das fábricas que acabaram pegas na mentira

PINTO ON FIRE

Ford Pinto

Em 1977, a publicação americana Mother Jones divulgou um escândalo: durante sete anos, a Ford teria vendido um carro – o compacto Pinto – já sabendo que, em choques acima de 40 km/h, o risco de incêndio causado pela ruptura do tanque de combusível era grande 그레이매스 다운로드. A marca teria decidido não fazer nada a respeito por um motivo contábil: na época, calculou que os custos de indenizações por mortes e feridos seriam de US$ 49,5 milhões, enquanto que o custo para resolver o problema ficaria em US$ 137 milhões Ocn Voice.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.